domingo, 11 de julho de 2010

Eis o meu futuro

Eis a questão. Só faltam 5 anos pra mim me formar no colégio, e preciso ir pensando desde agora no que eu vou fazer da minha vida. Tenho que escolher bem a minha profissão, se dá dinheiro, se é isso o que eu quero, se é isso o que eu gosto e se dá pra ganhar a vida com ela. Mas tudo se resume ao colégio, se fomos bons ou mal alunos, se tiramos boas ou más notas, se nos dedicamos ou não. O futuro é um assunto tão delicado, tão influente na nossa vida, que se você fizer a escolha certa, pode fazer o impossível, mas se escolher errado, fica mais difícil. Então, no filme Eclipse, a Jéssica me inspirou pra fazer esse post, dizer pros leitores que, se não fizerem o que fazem melhor hoje... não vão fazer nada melhor na vida inteira (entenderam?). O que a Jéssica falou é muito verdade. Nos perguntavam quando tinhamos 5 anos, o que nós queríamos ser quando crescêssemos, e nós respondíamos: astronauta, bombeiro, princesa... quando tinhamos 10 anos, faziam a mesma pergunta, e nós respondíamos: dentista, veterinário, atriz... mas daqui a alguns anos, vão fazer a mesma pergunta, e então, eles vão querer uma resposta séria. Então, não se adiantem nem se atrasem para escolherem o que vão "ser quando crescerem", porque podem fazer a escolha errada. Selecione o que você faz de melhor ou adora fazer, invista nisso e torne-se um exelente profissional. Se não, você vai acordar um dia e vai dizer: "que saco, tenho que ir trabalhar". Pense bem, pois a vida é sua!
Eu adoro escrever. Amo o jeito com que as palavras saem da minha cabeça. Ja pensei em ser escritora, jornalista, filósofa... mas por enquanto, vou continuar com meu único e querido Blog.

4 Coments...:

Gabriel Souza disse...

mto tri, mas ali a palavra "atrasem" ta escrito errado, ta escrido strasem, ali na linha 16

Jojô Granger disse...

Bom, no caso de ganhar com as palavras é relativo... Tem escritos, como a J. K. Rowling, que escreveu Harry Potter, que era muito pobre e quando lançou HP ficou rica e hoje não precisa nem mais trabalhar! Sim, tem escritores que são maravilhosos mas não são reconhecidos.. As obras de Van Gogh não eram admiradas no tempo dele. Mas, agora, um quadro dele custa milhões!

Nanda disse...

Nanda, dá para ter sucesso com as palavras sim. Continua escrevendo e fazendo o que fazes tão bem que quando chegar a hora certa tu vais usar este dom para teu sucesso profissional, for sure! Beijo!

Bib'stick disse...

NA REAL, até dá. Só que é difícil. Sabe quantas vezes um livro maravilhoso foi rejeitado? Muitas. A Meg Cabot, por exemplo, ela já fez de tudo, de tudo mesmo. Já foi ilustradora, já trabalhou em um alojamento de faculdade, e agora ela é conhecida mundialmente. E isso é bom, só é preciso batalhar, ser forte e persistente. E não é todo mundo que aguenta. Atores e atrizes, em quantos testes já foram reprovados? Como eu disse, tudo se resume a força, a vontade e persistência. Então, Nando, se o teu sonho é ser jornalista, pesquisa sobre isso, te informa bem, proucura gente que faz isso, conversa, e vai pra faculdade. Mas tu tem que saber que até tu chegar onde tu quer como jornalista, vão te mandar fazer várias outras coisas :/ Mas uma hora, depois de tudo, a tua hora vai chegar, como tu sabe que sempre chega. Te amo

Postar um comentário